Pular para o conteúdo
Início » Fundos imobiliários: setor aquecido com aquisições e emissões de cotas

Fundos imobiliários: setor aquecido com aquisições e emissões de cotas

Fundos imobiliários: setor aquecido com aquisições e emissões de cotas
Fundos imobiliários: setor aquecido com aquisições e emissões de cotas

O setor de fundos imobiliários (FIIs) segue aquecido no Brasil, com destaque para as aquisições e emissões de cotas no dia 28 de novembro.

O fundo imobiliário BTG Pactual Logística (BTLG11) anunciou a compra de três imóveis em São Paulo por R$ 760 milhões. Os empreendimentos ficam em um raio de 30 quilômetros da capital paulista e 70% deles somam uma área de 233 mil metros quadrados. Os imóveis são perfomados e estão locados.

A aquisição envolve ainda outros 74 mil metros quadrados que serão destinados ao desenvolvimento de um projeto aprovado. O BTLG11 pagará a operação em duas parcelas, sendo a primeira de R$ 440 milhões na data do fechamento e a segunda, de R$ 320 milhões, depois de 18 meses do acordo do negócio.

O analista da Empiricus Research, Pedro Niklaus, comenta que as aquisições são positivas para o FII, visto a ampliação do posicionamento do portfólio em regiões próximas de São Paulo e a evidente geração de valor por parte dos imóveis performados.

Entretanto, como o BTLG11 não deu detalhes dos imóveis, Niklaus ressalta que é difícil mensurar a geração de valor da operação.

O segundo destaque do dia foi a nona emissão de cotas do fundo imobiliário Maxi Renda (MXRF11), com o maior número de cotistas da Bolsa. O fundo pretende levantar inicialmente R$ 600 milhões.

Os recursos da emissão serão utilizados para aquisição de novos ativos e reforço do caixa.

O Ifix, índice de fundos imobiliários da B3, fechou o dia em leve queda, com 0,03%, aos 3.173 pontos. O índice caminha para encerrar novembro com sinal positivo, após uma recuperação nas últimas semanas.

Os destaques do dia são positivos para o setor de fundos imobiliários. As aquisições anunciadas pelo BTLG11 e a emissão de cotas do MXRF11 são sinais de que o setor continua aquecido e atraindo investidores.

O setor de FIIs é uma opção de investimento interessante para investidores que buscam diversificar sua carteira e obter uma renda passiva. O setor é promissor, pois o Brasil tem um grande potencial de crescimento do mercado imobiliário.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *